Publicidade
|
Cidades

Universitário pretende disputar eleição para a CM de Guarabira
03.07.2013 enviado às 01:55
Texto:
Jean Targino é filiado ao PMDB desde os 12 anos de idade (Imagem: Fato a Fato)

GUARABIRA (PB) – As eleições municipais ainda se realizarão em 2016. No entanto, quem é jovem tem pressa. Essa é a filosofia do estudante universitário Jean Targino, 21, que anuncia aos quatro cantos da cidade a firme pretensão de disputar uma das 15 vagas da Câmara de Vereadores de Guarabira.

Jean Carlos Targino Lucas foi, recentemente, aprovado para o curso de Serviço Social da Unopar. Estudou no Colégio Objetivo, possui o ensino médio completo e, entre os cargos ocupados na vida profissional, esteve diretor da Biblioteca Virtual do município e Mediador da Fundação Ulisses Guimarães na Paraíba.

Com exclusividade para Fato a Fato, Jean Targino revela que participou do movimento da juventude guarabirense, buscando mais espaços a prática de esportes e possui forte interação junto aos jovens de Guarabira, sobretudo no tocante as redes sociais.

Quando perguntado por qual motivo pretende disputar uma vaga na Câmara Municipal, Targino responde: “Há alguns meses venho ouvindo familiares e amigos mais próximos. Tenho esse desejo faz muito tempo e venho aguardando a melhor oportunidade de realizá-lo. A cidade se desenvolve ao mesmo tempo em que a mentalidade das pessoas evolui. À medida que o tempo passa e as ideologias sociais se transformam, então, a cidade precisa de renovação parlamentar, representantes com visão futurista, longe do coronelismo que prende os mais humildes nas relações de clientelismo. O povo precisa de pessoas que desejem lutar por eles, sem medo de ir contra ninguém, e sim, a favor do que realmente eles necessitam. É isso que desejo se chegar a câmara como representante do povo”.

Jean Targino é filiado ao PMDB desde os 12 anos de idade. Ele disse que, quando decidir pela candidatura oficialmente, quer ter o apoio do partido e dos amigos.

Da Redação/Fato a Fato

Compartilhe:
 
Comentários

Notícias Relacionadas

»Marcelo Bandeira pede poços artesianos para zona rural de Guarabira

»PILÕEZINHOS! Prefeita Mônica Cristina paga servidor antes do carnaval

»Raniery pede a CEHAP solução para o conjunto dos radialistas de Guarabira

»Em açude seco, fiéis apelam à Santa por chuva no Cariri da PB

»Jovem cria vaquinha on-line para ajudar dono de ônibus incendiado

»Prefeitura da Baía da Traição decide cobrar por estacionamento durante o carnaval; Medida encontra resistência de turistas

»CM de Araçagi realiza primeria sessão e debate temas em favor do povo

»Ônibus que transporta universitários de GBA a JP pega fogo na BR-230

»Jean Gomes se recupera e deve receber alta médica ainda essa semana

»CMG debate reforma da Previdência Social; Iniciativa foi de Macelo Bandeira

 
 
 
Editorial do dia

Recado mais que direto

O que aconteceu ontem na Assembleia Legislativa da Paraíba, até então, não fazia parte do cotidiano político do governador Ricardo Coutinho, pelo menos desde que este conseguiu a maioria esmagadora dos deputados para formar a ‘sua’ bancada. Sem a presença do líder Hervázio Bezerra, os parlamentares derrubaram dois vetos do socialista a projetos de lei. Um deles, por unanimidade.

Veja mais
 
Colunistas
Antonio Santos
Antonio Cavalcante
Justiça poética
Mais Lidas