Publicidade
|
Cidades

Assessoria do prefeito emite nota e nega nepotismo na PM de Bananeiras
05.01.2017 enviado às 21:42
Texto:
BANANEIRAS (PB) - A Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Bananeiras, através do radialista Batista de Andrade, distribiu nota com os veículos de comunicação, negando haver qualquer espécie de nepotismo na atual administração do prefeito Douglas Lucena.
 
NOTA OFICIAL
 
Em função de publicação em órgãos de imprensa acerca de nepotismo na gestão municipal venho esclarecer:  
 
O entendimento do Supremo Tribunal Federal acerca do nepotismo tem sido bastante claro. Convém destacar que a jurisprudência do STF ao analisar os cargos de natureza política à luz da Súmula Vinculante número 13, orienta que a nomeação de parentes para esses cargos não desrespeita as determinações constitucionais e legais acerca do nepotismo, não estando os seus ocupantes enquadrados como agentes administrativos. 
 
Senão vejamos: "A jurisprudência do STF preconiza que, ressalvada situação de fraude à lei, a nomeação de parentes para cargos públicos de natureza política não desrespeita o conteúdo normativo do enunciado da Súmula Vinculante 13." (RE 825682 AgR, Relator Ministro Teori Zavascki, Segunda Turma, julgamento em 10.2.2015, DJe de 2.3.2015)."  
 
Dentre os 20 auxiliares indicados na última terça-feira, 11 estão no primeiro escalão do governo municipal e apenas uma tem ligação direta com a autoridade nomeante, no caso, a primeira-dama, que ocupa o cargo de Secretária de Saúde do Município.  O Vice-Prefeito Guga Aragão ocupa a Secretaria de Planejamento a fim de contribuir efetivamente com a gestão, sem prejuízo algum ao erário, pois não existe possibilidade de acumulação salarial entre os proventos de Vice-Prefeito e secretário. Os demais membros da gestão que tem parentesco com o vice-prefeito ocupam também o primeiro escalão do governo, ensejando interpretação idêntica à exposta acima. 
 
Por essas razões, é inadequada a inclusão de Bananeiras entre os municípios paraibanos que desrespeitam a Lei de Nepotismo.
 
Da Assessoria PMB
Compartilhe:
 
Comentários

Notícias Relacionadas

»Marcelo Bandeira visita Cagepa e trata da qualidade da água em GBA

»Sem água em casa, população de Monteiro ameaça fechar comportas da Transposição

»Governo inicia obras da Escola Técnica de Guarabira nesta terça-feira

»Teto desaba sobre estudantes e três ficam feridos no Campus da UEPB em Guarabira

»Vereador pede uma delegacia da Polícia Federal para a cidade de Guarabira

»Jornalista da Integração do Brejo critica falta de higiene no Matadouro Público de Cuitegi

»RC entrega rodovia PB-077 e assina ordem de serviço da adutora de Pilões

»Prefeito de Guarabira inaugura praça, academia de saúde e parque infantil em Contendas

»Wilsinho pede ao Dnocs perfuração de poços para zona rural de GBA

»OAB-GBA realiza palestra sobre Direito do Consumidor na UEPB

 
 
 
Editorial do dia

Luciano e a linha tênue de 2017 e 2018

Recém-eleito prefeito da maior cidade da Paraíba, já no primeiro turno, Luciano Cartaxo precisará exercitar toda paciência, cautela e bom senso para conviver com as obrigações com João Pessoa (que são muitas) e com os ventos naturais que sopram para uma candidatura ao Governo do Estado.

Veja mais
 
Colunistas
Antonio Cavalcante
Justiça poética
Mais Lidas