Publicidade
|
Política

Marcelo Bandeira é eleito presidente da CM de GBA para 2º biênio
03.01.2017 enviado às 13:02
Texto:
GUARABIRA (PB) - No primeiro dia do ano, o vereador Marcelo Bandeira (PSB) foi eleito presidente da Câmara de Guarabira para o biênio 2019/2020. A chapa composta com Raimundo Macedo como vice-presidente, Júnior Ferreira como primeiro secretário e Tiago do Mutirão como segundo secretário, obteve a unanimidade dos votantes, num total de onze. Quatro vereadores da bancada peemedebista se abstiveram de votar.
 
Em contato com a imprensa, o parlamentar socialista agradeceu a confiança dos seus colegas vereadores, disse que vai presidir de forma republicana e enalteceu a união da bancada do PSB.
 
“Quero agradecer a confiança dos colegas e serei, se Deus quiser, presidente da Câmara administrado essa casa de forma democrática, republicana. Tivemos a satisfação de ser procurados por vários grupos políticos, mas sempre correto, nunca escondendo nada para ninguém, principalmente dentro do nosso grupo que sempre teve conhecimento do que estava se passando, sempre contando com apoio dos Girassóis, dos companheiros Renato Meireles, Jáder Filho e não tivemos dificuldades porque o que a gente quer é o bem da cidade”, falou Marcelo.
 
Em comum acordo, a bancada socialista, composta por três parlamentares, será liderada pelo vereador Renato Meireles.
 
Dissidente da bancada paulinista, o vereador Michel do Empenho (PR) votou em Marcelo Bandeira para presidente. Depois, Michel participou de comemoração junto com os vereadores do PSB, do ex-vereador Beto Meireles, do ex-prefeito Josa da Padaria e do presidente do PSB de Guarabira, Célio Alves.
 
O Presidente Municipal do PSB, Célio Alves, também comemorou: “o partido sai fortalecido e ainda mais unido desse processo, com a eleição eleição de Marcelo presidente da Câmara para o biênio 2019/2020. A partir de agora, é fazer uma oposição responsável, firme, construtiva e a favor de Guarabira”, sintetizou.
 
Por Rafael San com ASCOM
Compartilhe:
 
Comentários

Notícias Relacionadas

»SENADO FEDERAL APROVA INDICAÇÃO DE ALEXANDRE DE MORAES COMO NOVO MINISTRO DO STF

»Raniery Paulino escolhido líder do PMDB na Assembléia Legislativa

»Pacto federativo: bancada federal se reúne com prefeitos na Capital

»Senador Cássio defende repatriação por familiares de políticos

»Michel diz que briga entre girassóis e Zenóbio leva Guarabira ao retrocesso

»Veneziano defende Roberto Paulino na presidência do PMDB da Paraíba

»APÓS DETERMINAÇÃO DO STF, EUNÍCIO OLIVEIRA DEVOLVE À CÂMARA PACOTE ANTICORRUPÇÃO

»Camila Toscano é reconduzida a liderança da Minoria na ALPB

»Wilsinho rebate Jáder Filho sobre deputados federais votados em Guarabira

»Em pesquisa CNT/MDA, Lula bate adversários em todos os cenários

 
 
 
Editorial do dia

Recado mais que direto

O que aconteceu ontem na Assembleia Legislativa da Paraíba, até então, não fazia parte do cotidiano político do governador Ricardo Coutinho, pelo menos desde que este conseguiu a maioria esmagadora dos deputados para formar a ‘sua’ bancada. Sem a presença do líder Hervázio Bezerra, os parlamentares derrubaram dois vetos do socialista a projetos de lei. Um deles, por unanimidade.

Veja mais
 
Colunistas
Antonio Santos
Antonio Cavalcante
Justiça poética
Mais Lidas