Publicidade
|
Galeria de Fotos Horóscopo Novelas Vídeos Email: redacao@fatoafato.com.br
Empreendedor Entrevistas Email: redacao@fatoafato.com.br
Colunista


Martinho Alves
Historiador, professor universitário (UEPB), articulista do Fato a Fato e escritor.
Serraria e Paraíba sem Waldir
12.01.2016 enviado às 22:26
Texto:

A vida terminou aqui na terra, para Waldir dos Santos Lima, na última segunda-feira, dia 4, tendo a sua alma partido em busca da cidade celestial. 
 
Fora visitado pelo anjo que lhe anunciara chegada a hora de encontrar Jesus Cristo, e assim foi embora o Dr. Waldir, tendo cumprido junto aos mortais a sua obrigação. E enquanto viveu seus 81 anos por aqui – completaria essa idade no próximo dia 20 –, fez muito bem o seu dever de casa, honrando a sua cidade natal Serraria e dando orgulho aos paraibanos a quem tão bem serviu e representou.
 
Exerceu cargos públicos importantes como deputado estadual por cinco legislaturas, em duas das quais se tornou presidente da Assembleia Legislativa, Secretário da Casa Civil, Secretário de Justiça do Estado, Diretor da Caixa Econômica Federal, Procurador aposentado do Estado e Professor (de Direito) da Universidade Federal da Paraíba.
 
A Paraíba perdeu um grande filho.



Compartilhe:
 
Comentários
 
Confira também:

»Possível candidato a presidente, Alckmin faz novo aceno ao Nordeste

»Um por todos e todos pelo Antenor Navarro

»De luto a igreja do brejo paraibano

»PSDB agora é 100% Temer

 
 
Editorial do dia

A partida de Marcelo, o “dom” da serenidade

Um engasgo na hora do jantar matou ontem à noite o arcebispo emérito da Paraíba, Dom Marcelo Cavalheira, de 88 anos, aquele em quem nunca faltaram palavras para pregar o amor, a paz e a tolerância entre os homens.

Veja mais
 
Colunistas
Antonio Cavalcante
Justiça poética
Mais Lidas